Resenhas - DemosUpcoming Blood

HEATHER WASTELAND – Under The Red Wolfish Moon (EP)

Independente

Nenhuma descrição disponível.Desde o início em 2001, HEATHER WASTELAND deu um papel especial ao contrabaixo com a intenção de recusar o uso de guitarras. Essa se tornou a razão pela qual dois baixistas formaram a formação original da banda e adicionaram um terceiro baixista após a reunião em 2014. Em certos estágios da formação musical, apesar de suas várias preferências musicais, os hereges de HEATHER WASTELAND entraram em contato com os clássicos do death metal técnico, bem como com o metal progressivo e até mesmo o jazz.

Embora um fã médio dificilmente encontre quaisquer influências desses estilos na música de HEATHER WASTELAND, ele encontrou uma reflexão em algumas visões heréticas sobre a ideia do “folk metal Cimmeriano” experimental, que incorporaria elementos neofolk e medievais. Por este motivo preciso “herético”, o grupo descreve seu estilo como “Arte popular herética.

AR (um dos fundadores da banda, o compositor de “Under The Red Wolfish Moon”) diz que EVOL, CRUACHAN, no início de IN THE WOODS, BATHORY (do período Viking) e BURZUM (do período ambiental) foram as fontes de sua inspiração, e o conceito da banda foi influenciado por ANCIENT RITES.

Vamos conhecer um pouco a banda?

HEATHER WASTELAND (ερσόνησος, horda de arte folclórica herética criada por metaleiros cimérios no estilo neo-medieval do metal) foi fundada na primavera de 2001. As características distintivas do grupo são sua formação de dois baixos com um baterista, bem como a intenção de recusar o uso de guitarras.
H.W. existiu até a primavera de 2002, tendo conseguido tocar apenas 2 shows. Sua apresentação de estreia de 12 minutos criou um furor devido à música em si e à energia desenfreada no palco que moveu a multidão entediada. Em outubro de 2014, a banda se reuniu com sua formação original, mas também recrutou um terceiro baixista.
A música de H.W. é marcada pela abordagem incomum ao folk metal e pelo interesse em tópicos obscuros ou “proibidos” de períodos pré-cristãos e medievais da história europeia, muitas vezes no contexto esotérico.
No Samhain de 2016 H.W. lançou digitalmente seu primeiro EP instrumental “Under The Red Wolfish Moon”. O lançamento do CD digipak foi feito no Yule de 2016.

Nenhuma descrição disponível.

Todas as faixas do EP já estão incluídas em vários CDs e compilações digitais. O primeiro vídeo oficial “Tre Sverd” rendeu uma boa pontuação de visualizações no Youtube e outras redes sociais, ultrapassando as 10 mil visualizações no total ao longo de três meses. O vídeo também está incluído em uma compilação em DVD da Terroraiser Magazine (Ucrânia).

Todas as partes de instrumentos de corda, sopro e teclado são tocadas usando um baixo de 6 cordas com um captador midi através de um sintetizador de guitarra. Os arranjos de estúdio de todas as faixas são idênticos às suas versões de concerto. Na primavera de 2016 H.W. gravou um cover neo-medieval da música “Personal Energy” para o CD tributo internacional oficial do PESTILENCE (Holanda, jazz / death metal). Um coro de trolls rosnando foi gravado por Ind (GRENOUER, TARTHARIA).

Nenhuma descrição disponível.
Atualmente a banda é um projeto internacional, e não é mais um projeto instrumental. O próximo álbum está quase gravado e a participação de alguns cantores lendários já está confirmada, embora a banda ainda mantenha em segredo seus nomes.

Banda:

Anatoliy Polovnikov – drums

Sergey AR Pavlov – 4-string bass

Andrey “SLN” Anikushin – 5-string bass

Alexander Vetrogon – 6-string bass

Informações e contato:

[email protected]

heatherwasteland.bandcamp.com

facebook.com/heather.wasteland

vk.com/heather_wasteland

instagram.com/heather.wasteland

Mostrar mais

Ricky Lunardello

Historiador e Sociólogo, Pagão de alma Viking, apaixonado pelo Metal Extremo e pela cultura underground.

Veja também...

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar