Resenhas - LPs/Cds/K7sStormy News

SUMMUM HEREDIS / NETZACH LE – A’ ARAB ZARAQ – Trova Sinistra

CD 2019 - Erinnys Productions / Culto ao Metal Distro

É, vamos lá, antes de mais nada, confesso que este CD se tornou um dos discos de cabeceira, como dizem os mais aficionados, hehe! Quando recebi este CD, o que mais me chamou a atenção, de primeira vista, foi o encarte simples, mas muito bem detalhado, um esmero e primor abismal. Todas as letras e informações necessárias, um layout old mas muito agradável aos olhos famintos por arte underground!

A SUMMUM HEREDIS foi criada por membros do valoroso GEHENA, o som hora chega a lembrar um pouco do que o Rotting Christ fazia nos idos da DT Ades Winds, mas, com um pouco mais de crueza nos riffs… Taijasa, vocal e teclados, (o mesmo já esteve presente nas bandas Lunar, Nashemah, Pactum, ex-Lord Sergulath (live), ex-Angel of Light), meu amigo Adie, bass, o conheci nos idos das cartas, quando era correspondente do Gehena; Armando, bateria, também vindo do Gehena, e, Sebok, guitarra, que também fez parte do Nashemah, ex-Critical Fear. Como podem ler, um quarteto que nitidamente viveu/vive underground!

Os 4 primeiros sons são do SUMMUM HEREDIS, sendo o primeiro uma intro, macabra e ritualística, “Corpus Est…Templum Est”, após temos a “Sob a Negra Luz”, em seguida temos “In The Arms of Nyx” com riffs hora heavy e um vocal black/doom e o teclado que lembra muito Forest of Nagay, mah, viciante este som, hehe! E, por último temos “The Last Dance” com um teclado magistral, simples e direto, lembrando muito o Gargula Valzer, alias, o timbre de vocal também o lembra algo…, vale lembrar que estes sons foram gravados em 2016. Mah, que atmosfera musical linda esses k-ras criaram! Hailz SUMMUM HEREDIS!

NETZACH, aqui com a nomenclatura de NETZACH LE – A’ ARAB ZARAQ, estes Manauaras executam um Black Metal ritualístico muito fuderoso, exaltando em suas letras, o misticismo, luciferianismo, a Kaballah…, também atuantes em outras hordas, sempre vociferando o BM.

“Babalon Cluvi”, quinto som do split, sendo o primeiro do NETZACH, 7:32 de um Black Metal arrastado, beirando o Depressive e o Doom Metal. “Encanto Sabático”, está já mais rápida, guitarras mais frias, bateria hora bate estaca hora lentas…, “Subversão Luciferiana” tem aquela pegada bem distinta com o Raw BM das bandas 80’s; “DCLXVI – A Superior Manifestação do Ser” já é bem mais técnica, beirando o Into the Pentagram! Este foi o som que mais curti, ele é dividido em 2 atos, sendo Ato I – Shemesh (VI) e Ato II – Levanah (IX), e, para fechar o CD temos “Heresis Tenebrarum Luna Nigra”, que é um bônus track, que fecha de forma magistral este fuderoso split!

Os sons do NETZACH LE – A’ ARAB ZARAQ foram gravados entre 2016 e 2017 no Umbra Gaya Studio.

A formação que gravou é:

Anderson Lucifero – guitarra, baixe e vocal (também do …Do Fundo… Abismo); Lord Cerberus – bateria (também do …Do Fundo… Abismo, Ocultus Sathanas, Baal Barbatos, Black Dolmen, Blasphemy Contemplation, Gloria Satanas, Jesu Perversvs, Precípicio, Sinuos Serpent); Diego Moriendi – backing vocals (session).

Este split se tornou indispensável aos apreciadores do Black Metal!

Foi lançado com a parceria dos selos Erinnys Productions e o Culto ao Metal Distro.

Mostrar mais

Hioderman ZArtan

Editou os zines "Anaites" e o "Guerreiros Zineiros". Designer gráfico Underground e mentor do Anaites Records.

Veja também...

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar