Resenhas - LPs/Cds/K7s

THRASHERA – Morte Webbanger!

2018 - Mutilation Records

Os cinco amantes da luxúria, excessos e Metal da banda THRASHERA, celebram esse mês 10 anos de atividades, nesse “subterrâneo que sempre foi nossa casa”.

Revisitando a discografia desses subversivos, nos batemos com o álbum lançado em 2018 sobre o instigante nome de “Morte Webbanger!”.

Quem já conhece a banda, sabe que  a fusão entre Thrash Metal e o Rock ‘n” Roll é o que temos aqui em carga máxima, marcando exatamente nos anos 80,  relembrando bandas icônicas como MOTORHEAD, SODOM, BULLDOZER entre outras.

Diferente do álbum anterior de 2014, o “For All Drunks ‘n’ Bitches” com praticamente todas as músicas em inglês (com exceção de ‘Bar Culto ao Metal’ e ‘Boteco Selvagem’),  aqui se faz o contrário com apenas a música ‘Alive In Hell’ cantada na língua universal. Falando nessa faixa, começa com um riff alucinante “a lá” SLAYER!!!

É um trabalho calcando na velha escola, um som sujo com uma pegada Speed, que nos faz “bangear” meio que automaticamente.  Músicas como ‘Velocidade’  e ‘Thrashera’ que faz qualquer inferninho vir à baixo.

As letras vão desde blasfêmias à religião cristã; “Sua virgem sagrada, não me dá tesão! Seu livro de mentiras, seda pro cigarro. O sangue do tal salvador me embriaga, prefiro Baco!’ (faixa Sem Regras & Sem Deuses) , passando pela vida desregrada e insana de um headbanger, “Cerveja, cachaça, viagens proibidas…Marginalizados e julgados até pelos seus!” (faixa Thrashera) até chegar no recado direto a massa atual de supostos headbangers que não passam de rebeldes com teclado em punho como já diz na música.

Este material você ainda pode encontrar aqui: Thrashera – CD Morte Webbanger.

Aprecie a faixa que encerra o 21CD:

 

Mostrar mais

Giovan Dias

Editor do The Glory Of Pagan Fire Zine, trabalho iniciado ainda na década de 90, voltado ao Black, Death, Doom Metal.

Veja também...

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar